03/07/2017

Filme: Antes que eu Vá


Título: Before I Fall
Direção: Ry Russo-Young
Leia a resenha do livro clicando aqui

Samantha Kingston (Zoey Deutch) é uma jovem que tem tudo o que uma jovem pode desejar da vida: beleza, namorado, amigos. No entanto, essa vida perfeita chega a um final abrupto e repentino no dia 12 de fevereiro, um dia que seria um dia como outro qualquer se não fosse o dia da morte de Sam. Segundos antes de realmente morrer, ela terá a oportunidade de mudar a sua última semana e, talvez, o seu destino.






Adaptação literária é sempre um assunto polemico e geralmente desagrada a todos. Há alguns anos eu li Antes que eu Vá e gostei bastante do livro. Escrevi uma baita de uma resenha para a semana Fale! que a editora Valentina havia promovido e fiquei aguardando a adaptação que já havia sido anunciada naquela época. Como demorou algum tempo até sair o filme eu confesso que me esqueci de muitos detalhes que tem no livro e que possam ter faltado no filme, mas independente disso eu achei a adaptação bem bacana.

Todos os principais elementos mostrados no livro estavam ali. O dia de Sam repetindo várias e várias vezes, e ali sendo mostrado que foram realmente muitas vezes a cada vez que ela acordava. Deu aquela impressão de loop infinito tipo aquele final do episódio de Natal de Black Mirror, sabe?

google imagens
Gostei bastante da atuação da Zoey. Eu não vi muitos filmes com ela, mas é muito bom quando você vê uma atriz fazendo você se esquecer dos outros filmes que ela fez, entende? Eu realmente só a via ali como Sam e não como aquela lá de Academia de Vampiros. Alguns atores não conseguem sair de outro personagem e carregam o tipo para sempre, mas nesse caso ela realmente incorporou Sam da melhor forma. A única coisa chata é que eu amei a Sam do livro e não gostei muito da Sam do filme. Acho que estando fora da cabeça da personagem e vendo mais suas atitudes fica mais difícil de entende-la e simpatizar com ele logo de cara. Ela foi conquistando aos poucos mas não chegou a ser aquela coisa de personagem favorita. Alias, no filme não tem realmente nenhum personagem que seja muito bom ou marcante.

A adaptação tá bem legal e vale a pena dar uma conferida, mas realmente recomendo a leitura do livro que é excelente. O filme ele conta a história como ela é, mas é tudo bem cru no meu ponto de vista.

Um comentário:

  1. Oi Silviane, nunca ouvi falar da obra nem da adaptação, confesso que esse post me deixou curioso. Amei o blog e já estou seguindo. Beijos!

    dosedupladeleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir


Obrigada por comentar no Estilhaçando Livros. Se você tiver um blog deixa seu link que vou retribuir a visita com o maior prazer.