14/12/2016

Resenha: Vida e Morte


Título: Vida e Morte (Crepúsculo Reimaginado)
Autor(a): Stephenie Meyer
Editora: Intrinseca
Páginas: 391
O clássico de Stephenie Meyer revisitado 10 anos depois. Novamente, os leitores vão se apaixonar pela arrebatadora história de amor de Bella e Edward... ou, quem sabe, será uma primeira vez. A edição especial de aniversário inclui um conteúdo extra e exclusivo: Vida e morte, nova versão em que autora inverte o gênero dos principais personagens. Em Vida e morte os leitores vão se maravilhar com a experiência de ler a icônica saga de amor agora pelos olhos de um adolescente que se apaixona por uma sedutora vampira. Numa publicação ao estilo “vira-vira”, a edição comemorativa traz mais de 400 páginas de conteúdo extra, além da nova capa, com Crepúsculo de um lado e Vida e morte de outro. Os milhares de fãs de Bella e Edward não vão querer perder a oportunidade de ver seus tão queridos personagens em novos papéis.

Estou me sentindo bastante estranha aqui, com 25 anos, sentada na frente do meu notebook velho e quebrado para escrever essa resenha. Por qual motivo? Bom, eu li Crepúsculo pela primeira vez há mais ou menos nove anos e óbvio que me apaixonei pela saga. Foi a primeira que eu li e apesar de hoje em dia saber reconhecer seus defeitos ela ainda tem um lugar muito especial no meu coração, pois foi com ela que eu comecei a me interessar de verdade pela leitura. Então agora, tantos anos depois, eu tive a chance de reler essa história que tanto me marcou por um outro ângulo. de inicio não gostei da troca de gêneros mas não é que a coisa deu certo? Tia Steph me surpreendeu.

Não vou dizer que favoritei o livro e que dei cinco estrelas, pois óbviamente as mesmas coisas que me incomodaram em Crepúsculo também me incomodaram em Vida e Morte; entretanto vivenciar essa história de amor por uma nova perspectiva me fez odiar menos a Bella. Eu sempre me incomodei com ela por ser tanto a garota frágil, mas o que a própria Stephanie diz em uma carta aos leitores é verdade: Bella é daquele jeito simplesmente por ser humana. O mesmo acontece com Beau, o protagonista de Vida e Morte. Ele precisa de Edythe para salva-lo quando é necessário. A questão amorosa ainda é incomoda, pelo modo como eles se apaixonam e talvez por eu ser uma velha cri cri com assuntos amorosos eu acabo sempre querendo que os personagens queiram mais antes de se declararem apaixonados e tudo mais. Só que funciona, principalmente se for o publico de Crepúsculo e/ou um publico adolescente.


Bom, tia Steph prometeu que abordaria melhor o dom de Alice, que neste livro é Archie, mas eu realmente não senti que isso foi abordado de uma forma como deveria. Foi bem superficial, como foi no primeiro livro da saga original. Assim como toda a família Cullen. Em alguns aspectos a história teve alteração, e nem digo isso do final em si, mas da história de personagens que nem se quer apareceram neste livro. De qualquer maneira, não havia muito o que ela pudesse fazer em um livro que apenas o gênero dos personagens foi alterado. A ideia em si não é mudar a história que encantou muitos leitores e sim dar uma nova perspectiva.

A edição é super linda maaas tem muitos erros. Justamente por ter a troca de gênero entre um livro e outro e o texto, muitas vezes, ser idêntico ao original escapou da pessoa responsável pela revisão dar uma conferida nos "ele" e "ela" da história, que diversas vezes estavam trocados. Mas não é nada que seja incomodo e talvez na próxima tiragem esteja arrumadinho.

Um livro para quem é fã da saga mais amada (e odiada) dos últimos anos. E olha, será que eu já quero filme??? rs

6 comentários:

  1. Oiii Sil

    A proposta do livro é curiosa, Stephanie arriscou e mudou muita coisa, sinceramente é bem um livro para fãs, eu não sei se leria

    Beijos

    Resenha Atual

    ResponderExcluir
  2. Oi, Sil.
    Apesar de amar Crepúsculo sem culpa nenhuma não me animei para esse último livro, acho que o momento passou rs.
    Beijo

    Te Conto Poesia ♥

    ResponderExcluir
  3. Oi Sil!!

    Eu tb li Crepúsculo há muito tempo e depois não tive vontade de ler este, mas agora que vc falou de entender mais a Bela fiquei interessada, pq de todos acho que a protagonista é que a menos gostei. Adorei a resenha, principalmente pq li poucas coisas sobre esse livro!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Já faz muito tempo que li Crepúsculo tbm. Gostava mais dos filmes do que dos livros. Hj em dia n me interessei nem um pouco em ler Vida e morte, rs.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi, Sil!
    Eu li a série há taaaantos anos que nem dei muita bola pra essa edição comemorativa de 10 anos...Aí não sabia que ela invertia os gêneros, que louco! Estou curioca pra saber como ela refez algumas cenas! Hahah

    Beijos,
    Giulia | www.1livro1filme.com.br

    ResponderExcluir


Obrigada por comentar no Estilhaçando Livros. Se você tiver um blog deixa seu link que vou retribuir a visita com o maior prazer.