12/10/2015

Mês do Horror: O Oceano no Fim do Caminho

Eu perdi as contas de quantos anos eu estava enrolando para ler este livro (exagerada sim). Mesmo após vários elogios de mais e mais blogueiros e booktubers eu ainda consegui enrolar até que aproveite esta oportunidade para tira-lo da minha lista de livros não-lidos.



Título: O Oceano no Fim do Caminho
Autor: Neil Gaiman
Editora: Intrinseca
Páginas: 208
Saiba mais no Skoob
Onde comprar: Buscapé
Sinopse: Foi há quarenta anos, agora ele lembra muito bem. Quando os tempos ficaram difíceis e os pais decidiram que o quarto do alto da escada, que antes era dele, passaria a receber hóspedes. Ele só tinha sete anos.
Um dos inquilinos foi o minerador de opala. O homem que certa noite roubou o carro da família e, ali dentro, parado num caminho deserto, cometeu suicídio. O homem cujo ato desesperado despertou forças que jamais deveriam ter sido perturbadas. Forças que não são deste mundo. Um horror primordial, sem controle, que foi libertado e passou a tomar os sonhos e a realidade das pessoas, inclusive os do menino. Ele sabia que os adultos não conseguiriam — e não deveriam — compreender os eventos que se desdobravam tão perto de casa. Sua família, ingenuamente envolvida e usada na batalha, estava em perigo, e somente o menino era capaz de perceber isso. A responsabilidade inescapável de defender seus entes queridos fez com que ele recorresse à única salvação possível: as três mulheres que moravam no fim do caminho. O lugar onde ele viu seu primeiro oceano.

Não me arrependi da leitura em nenhum momento. Ela foi rápida, simples e bastante prazerosa; Mas vou confessar que a sua história não me pegou da maneira como eu achei que pegaria. O livro todo o autor apresenta ao seu leitor uma mitologia baseada em diversas outras mitologias e um amontoado de histórias, por assim dizer, já que o personagem principal (que não tem nome) é um grande fã de livros e por conta disso tem a mente bem criativa. 

A verdade é que eu senti muito mais falta de descrições detalhadas dos acontecimentos do que qualquer outra coisa, pois eles são ótimos e que deixa o leitor angustiado. Nas principais cenas envolvendo Úrsula (a tal força que não deveria ser perturbada citada na sinopse) e o garoto eu me senti bastante incomodada e até com medo, mas não do que estava acontecendo em si mas sim pelo menino. Foram os únicos momentos em que eu consegui me colocar no lugar do personagem, já que o restante eu só o via como um menino com a imaginação muito fértil. Como eu disse li diversas resenhas sobre este livro e sempre com elogios, porém mesmo tendo gostado bastante do livro eu não consegui ter esse apego que a maioria pareceu ter; Não tive uma grande identificação com o personagem e isso pode ter afetado só um pouco a minha experiencia e conclusão com a leitura.

Não dá para beber água do mar, não é mesmo? Salgada demais. É como sorver o sangue da vida.

Como eu disse, eu vejo o menino como alguém com a imaginação muito fértil e a minha conclusão da obra é esta; Porém cada um, de acordo com a sua própria "bagagem", seja de coisas que viveu e que leu, poderá tirar as suas próprias conclusões ao final. Acredito que diferente de outros livros que já li e já comentei (não somente neste blog como também o Cantar em Verso) O Oceano no Fim do Caminho consegue deixar os leitores mais divididos e abre um bom debate sobre a sua mitologia, o menino, as três mulheres da fazenda vizinha (esqueci o sobrenome delas) e as criaturas que existem no bosque. É uma leitura excelente e indicada para o leitor que quer resgatar aquele sentimento de ser criança.

Apesar de estar no tema do mês (e em alguns níveis ele pode sim dar medo) o livro não é propriamente de terror. Decidi colocar essa resenha no Dia das Crianças por ter essa pegada mais infantil e de fantasia; Com certeza se você ler este livro para uma criança ele ficara com medo. 

--------------------------------------------------------------------------------------------------

PARTICIPE!

16 comentários:

  1. Oiii!

    Eu estou meio que "boiando" nesse mês. Não conheço quase nada do genero porque eu sou realmente muito medrosa.
    Achei o enredo um pouco bagunçado, por todas as misturas, mas deve ser uma leitura agradavel. Nada para te deixar na cabeceira da cama.
    A resenha está ótima :D


    Beijinhos,
    www.entrechocolatesemusicas.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Sil, eu particularmente amei o livro, mas sei que é uma leitura que dividiu muitas opiniões. Adorei todos os símbolos e metáforas que o autor usou e viajei na maionese tentando entendê-las.. hehe Beijos, Mi

    Blog Recanto da Mi

    ResponderExcluir
  3. Já tinha ouvido falar nesse livro e parece uma leitura razoável

    Mil beijocas
    ⋙ ♥ Blog Livros com café
    participe do concurso que está rolando lá no blog

    ResponderExcluir
  4. Nunca tinha visto uma resenha sobre esse livro, amas curti sua sinceridade. Não leria se fosse para procurar medo. E livros com essa falta de descrição me deixam irritada. kkkk
    Ótima resenha.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
  5. Ainda não tenho esse livro, mas desde que lançou tenho vontade de ler RSrs Gostei da resenha!
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    O livro me cativou verdadeiramente. Eu acabei me colocando no personagem e a angústia é muita mesmo! Li tudo num dia só.
    Um outro ponto é que muita coisa no livro se relaciona ao autor. Como o personagem principal não tem nome nem descrição, serve tanto para o próprio leitor de ver ali, mas tem há a possibilidade que seja quase que uma biografia do próprio autor.
    Quem bom que você tenha gostado, mas ainda acho uma pena que o livro não tenha te pegado de jeito!
    Também tenho essa impressão de que o livro abre possibilidades para interpretações, mas fico meio em cima do muro. Ótima resenha!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Me considero uma eterna criança, e o único livro mais assustador que eu li foi o Dracula de Bram Stoker, um clássico dos clássicos. De qualquer forma adorei a resenha e fiquei interessada em ler, mesmo porque o personagem principal não tem nome... interessante isso. Parabéns por sua resenha!

    ResponderExcluir
  8. Oi Sil!
    Esse foi meu primeiro contato com o autor e lembro que uma das coisas que eu mais gostei na leitura foi justamente o fato de que cada um pode interpretar a história do seu jeito, como você comentou.
    Só não lembro de ter achado ele assustador em nível nenhum (rsrs), mas é que não me assusto fácil (rsrs) ;)
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Cara!! Eu achei a sinopse desse livro muuuito legal! haha
    Semana passada eu estava pesquisando bons autores de suspense, terror e tal e encontrei uma obras do Neil. Achei os livros dele demais!
    Quero ler esse e Stardust também!!

    Beijos
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Sil! Tudo bem?
    Eu nunca li nada desse autor, mas está sempre na lista pra eu ler! Esse livro em especial.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oie, Sil!!
    Nunca li nada do Neil, mas este livro em particular estava na minha lista de desejados como também Stardust. O que me atraiu nele foi a promessa de dar medinho, mas isso também me deixou um pouquinho preocupada. Como já comentei em outro post sou meio medrosa. Enfim, eu quero Let esse livro ainda assim!!
    Beijin...
    http://piecesofalanagabriela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá Minha Linca ^^
    Tudo bom?
    Confesso que não imaginei que o livro se tratava de algo assim, tão cheio de Fantasia
    Já adicionei ele para Minha Lista <3
    adoro fantasia misturada com horror, e sua Resenha me conquistou de cara, sendo sincera olhando a capa o livro parece ser tão chato HAHAHAHHA, agora estou com raiva de mim mesma por não ter pesquisado mais sobre o livro! e feliz por você ter feito a Resenha, pois talvez eu nunca iria saber HAHAHAHA adorei flor.
    Beijos
    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Só a capa e o título do livro já me chamou atenção, confesso que não conhecia mas adorei a premissa.
    Post it & Livros

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    Morro de vontade de ler esse livro, todas as obras desse autor me interessam, mas essa em especial possui uma premissa tão única e interessante. Morro de vontade de ler.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Este livro foi uma descoberto muito prazerosa para mim. Foi o segundo que eu li do autor e ele selou definitivamente meu amor pela escrita do Neil Gaiman.
    Enquanto eu estava lendo, senti um certo medinho por não saber o que aconteceria a seguir, mas não foi muito assutador.
    Abraços
    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
  16. Simplesmente O MELHOR livro dele!!!!
    O oceano... É cheio de reflexões e fala mais do que realmente está escrito. Se vc procurar outras resenhas dele irá perceber muitas ideias que são já a marca registrada do autor. Ele faz muitas críticas tb, o tempo todo. Eu amo, amo mesmo.

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir


Obrigada por comentar no Estilhaçando Livros. Se você tiver um blog deixa seu link que vou retribuir a visita com o maior prazer.